João Bosco e Vinícius lançam vídeo de “ Ponto Fraco ”

Por que o sertanejo universitário tem esse nome?

Você Sabe Por que o sertanejo universitário tem esse nome?

Há muito tempo, o sertanejo deixou de ser apenas um gênero musical para se tornar uma família de subgêneros que vem enriquecendo o cenário da música. Desde os tempos da música caipira de Tonico & Tinoco, Cascatinha & Inhana e Zico & Zeca, o sertanejo sempre foi uma maneira que o compositor encontrou para expressar o seu dia a dia, seja no campo ou na cidade.

Com o passar dos anos, o interesse pela música sertaneja cresceu e cada vez mais músicos, duplas e grupos surgiram nas mais diferentes variações. Pena Branca & Xavantinho, Chitãozinho & Xororó, Chrystian & Ralf, Leandro & Leonardo, Zezé Di Camargo & Luciano e Bruno & Marrone são apenas alguns dos representantes que permanecem na história e que participaram do longo caminho até a música sertaneja que ouvimos hoje.

Em meados da década de 1990, o cenário da música sertaneja havia mudado bastante. O que se ouvia eram cantores solos e duplas de um sertanejo romântico, com levadas mais country, bastante populares em bares, bailes e festas particulares. E foi nessa época que surgiu a dupla João Bosco & Vinícius.

Por que o sertanejo universitário tem esse nome?

Com uma música um pouco mais agitada, a dupla sul-mato-grossense agradou e muito e, sem saber, iniciava uma nova fase no cenário da música sertaneja. Em 1999, já com cinco anos de carreira, os dois decidiram se mudar para Campo Grande, onde começaram a cursar faculdade. A dupla foi ganhando destaque à medida que seus shows em festas e bares universitários enchiam cada vez mais.

Essa nova maneira de tocar sertanejo ganhou um novo público, conquistando os ouvidos mais jovens. Com músicas empolgantes e letras simples sobre o cotidiano, somados a uma leve mistura de arrocha e batidas de axé, pessoas de 15 a 30 anos passaram a ouvir e a se identificar. O mercado fonográfico, sempre atento ao potencial sucesso de novos estilos, aproveitou a situação e batizou esse novo movimento com um nome marcante e facilmente vendável. Assim, surgia o mais novo filho da família sertaneja: o sertanejo universitário.

Mas o boom mesmo se deu através das mídias. Mesmo com músicas e vídeos bombando nas rádios e na internet, foi a TV a grande aliada das gravadoras para popularizar o gênero. Houve um investimento maciço em divulgação em programas de auditório e novelas. Com isso, o mercado inflou e surgiram novos talentos.

Por que o sertanejo universitário tem esse nome?

Vemos hoje diversos cantores e duplas de sucesso, como Luan Santana, Michel Teló, Gusttavo Lima, Jorge & Mateus, João Lucas & Marcelo, Maria Cecília & Rodolfo, Victor & Léo, entre outros. Hoje, até as escolas de dança estão preparadas para ensinar esse novo ritmo que caiu na graça de todos nós.

Você curte esse ritmo? Então acesse nosso site e ouça a Hits FM ao vivo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

loading...